© LL Contábil Ltda 2017
IRPF 2017 Período de Entrega. A Declaração de Ajuste Anual deve ser apresentada no período de 2 de março a 28 de abril de 2017 Quem deve declarar? De acordo com a Receita Federal, deverá declarar, neste ano, o contribuinte que  recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2016. Quem optar pelo desconto simplificado, abre mão de todas as deduções  admitidas na legislação tributária em troca de uma dedução de 20% do valor dos  rendimentos tributáveis, limitada a R$ 16.754,34, mesmo valor do ano passado. Os contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou  tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano  passado. Quem obteve, em qualquer mês de 2016, ganho de capital na alienação de bens  ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores,  de mercadorias, de futuros e assemelhadas. Quem teve, em 2016, receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50 em  atividade rural;  Quem teve, em 31 de dezembro, a posse ou a propriedade de bens ou direitos,  inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil.  Quem passou à condição de residente no Brasil em qualquer mês e nessa  condição encontrava-se em 31 de dezembro de 2016. Deduções. - Despesas com ensino técnico, fundamental, médio, superior, pós-graduação,  mestrado e doutorado só podem ser abatidos até o teto de R$3.561,50 reais por  dependente. - Até R$ 2.275,08 reais por cada dependente informado na declaração.  - Até R$ 1.093,77 reais em despesas com um empregado doméstico. - Ilimitado para despesas médicas. Entre as despesas médicas dedutíveis na  declaração de IR estão os gastos com internação, exames, consultas, aparelhos e  próteses; e planos de saúde, realizados em benefício de quem declara ou de seus  dependentes. - Ilimitado para contribuições à Previdência Social, o contribuinte pode deduzir da  base de cálculo do Imposto de Renda todas as contribuições feitas ao INSS, seja como  trabalhador formal ou autônomo. - Até 6% do valor do Imposto de Renda devido, para contribuições a instituições  que se enquadram nas regras de doações com incentivos fiscais também podem ser  deduzidas da base do imposto de renda a pagar. - Ilimitado para pensão judicial. Todo valor estabelecido pela Justiça pode ser  deduzido, mas contribuições informais são consideradas mesadas e não entram nos  critérios de dedução. Obrigatoriedade de CPF para dependentes. Redução para 12 anos – Obrigatoriedade de informar o CPF de dependentes/alimentandos com 12 anos ou mais, completados até a data de 31/12/2016, conforme IN RFB nº 1.688, de 31/01/2017 15 documentos importantes. 1 - Cópia da declaração entregue em 2016 (ano-calendário 2015); 2 - Informes de rendimentos de instituições financeiras, bem como de salários, pró- labore, distribuição de lucros, aposentadorias etc.; 3 - Controle de compra e venda de ações, com apuração mensal de imposto; 4 - Recibos e notas fiscais relativos a despesas com saúde; 5 - Comprovantes de despesas com instituições de ensino; 6 - Recibos de pagamentos à previdência privada e oficial; 7 - Recibos de aluguéis pagos ou recebidos; 8 - Documentos que comprovem venda ou compra de bens em 2016; 9 - Recibos de pagamentos de prestação de bens como imóvel e carro; 10 - Documentos comprobatórios de dívidas assumidas em 2016; 11 - Comprovantes de despesas do livro-caixa (para prestadores de serviços autônomos); 12 - Darfs de carnê-leão pagos; 13 - Comprovante de doações para fins de incentivos fiscais (Fundos da Criança e do Adolescente, Lei Rouanet, Audiovisuais etc.); 14 - Todos os documentos acima referentes a dependentes, além do número do CPF de dependentes maiores de 12 anos e de todos os alimentandos; 15 - Dados da conta bancária para restituição ou débito das cotas do imposto. Não deixe para a última hora, IRPF 2017 é na LL CONTABIL. Artigos Anteriores  Brasil ID